Sexta-feira, 31 de Março de 2006

Nacional porreirismo

São 9.30h a esta hora já fui ao banco levantar um cartão de crédito pedido há 3 semanas de que já veio o Pin há oito dias. Telefonemas para um lado e para outro niguém o localiza. O funcionário, simpático, ficou com o nº de tel. para me contactar. A esta hora já contactei a Proteste por causa de uma reclamação que fiz há um mês. Simpática a menina disse-me que a mesma está a ser tratada e em breve me será enviada. Às 10h um telefonema: uma voz tipo 'fala a Marta' para me informar que a consulta do dia x com o Dr y teria de ser adiada porque o sr. Dr vai para um congresso. Atenciosamente, foi mudada para 3 semanas depois, que antes já está tudo cheio.

Por aqui vou preenchendo um imenso questionário sobre as ACND (actividades curriculares não disciplinares) para o ME que quer saber tanto, tanto que muito pouco ficará a saber. Ainda não aprenderam que muita informação gera confusão. E se não houver um pouco de imaginação no preenchimento e quisesse ser exacto e rigoroso (o que é manifestamente impossível) entraria em depressão. Com grave prejuízo para o meu patrão.

Muita simpatia e pouca eficácia. Faz parte do nacional porreirismo?

publicado por julmar às 09:28
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 30 de Março de 2006

Falar depressa

As pessoas que falam muito depressa ou não pensam ou pensam mal.
publicado por julmar às 08:50
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 23 de Março de 2006

Poema do Coração

Eu queria que o Amor estivesse realmente no coração,

e também a Bondade,

e a Sinceridade,

e tudo, e tudo o mais, tudo estivesse realmente no coração.

Então poderia dizer-vos:

"Meus amados irmãos,

falo-vos do coração",

ou então:

"com o coração nas mãos".

Mas o meu coração é como o dos compêndios

Tem duas válvulas (a tricúspida e a mitral)

e os seus compartimentos (duas autículas e dois ventrículos).

O sangue a circular contrai-os e distende-os

segundo a obrigação das leis dos movimentos.

Por vezes acontece

ver-se um homem, sem querer, com os lábios apertados,

e uma lâmina baça e agreste, que endurece

a luz dos olhos em bisel cortados.

Parece então que o coração estremece.

Mas não.

Sabe-se, e muito bem, com fundamento prático,

que esse vento que sopra e que ateia os incêndios,

é coisa do simpático.

Vem tudo nos compêndios.

 

Então, meninos!

Vamos à lição!

Em quantas partes se divide o coração? 

António Gedeão 

publicado por julmar às 08:46
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 17 de Março de 2006

Ondas do mar de Vigo

CANTIGAS DE AMIGO

Ondas do mar de Vigo,
se vistes meu amigo!
E ai Deus, se verrá cedo!

Ondas do mar levado,
se vistes meu amado!
E ai Deus, se verrá cedo!

Se vistes meu amigo,
o por que eu sospiro!
E ai Deus, se verrá cedo!

Se vistes meu amado,
por que hei gran cuidado!
E ai Deus, se verrá cedo!

Martin Codax, CV 884, CBN 1227

publicado por julmar às 22:55
link do post | comentar | favorito

.pesquisar

 

.Junho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Lendo Philip Roth

. Chegada a Erévan, passo a...

. A Evolução de Deus

. Indignação

. Passo a passo até Erevan

. Porque hoje é o dia mundi...

. Lugares da minha vida, de...

. Uma Breve História do Tem...

. Saudade das coisa simples

. O tempo parado

.arquivos

. Junho 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds